Uma Previdência criada para facilitar a vida dos funcionários de Rio Preto

O Instituto de Previdência Municipal de Rio Preto da Eva já está aprovado, sancionado e entrou agora em fase de implantação. Por 10 votos a 01, o prefeito Anderson Sousa (Pros), conseguiu aprovar o projeto de previdência na Câmara Municipal, no dia 28 de dezembro, com o único objetivo de facilitar a tramitação burocrática e aplicação dos benefícios aos funcionários públicos municipais concursados.
Os ajustes estão sendo concluídos e em breve estará em funcionamento. A data de inauguração, segundo a subprocuradora municipal, Larissa Farah, depende ainda da criação do Conselho Fiscal, Conselho Deliberativo e a diretoria do fundo. “É um processo normal para conclusão da implantação”, assinalou.
A subprocuradora municipal de Rio Preto da Eva, Larissa Farah, na fase final da implantação do Instituto de Previdência Municipal – foto: Erlan Roberto
A procuradora garantiu que o processo está obedecendo o prazo de 90 dias estabelecido pela Lei, a partir da sua aprovação. Ou seja, o Fundo Previdenciário terá seus primeiros contratos sendo firmados a partir do mês de abril. Até lá, a prefeitura estará concluindo a implantação física e a criação dos departamentos.
De acordo com Larissa Farah, em abril, quando todo o processo de implantação estiver concluído, passa-se à parte operacional do Instituto de Previdência Municipal, com os descontos sendo feito diretamente para o fundo previdenciário. Conforme disse a procuradora, os descontos serão idênticos ao do INSS, 9% para quem ganha até um salário mínimo e 11% para quem estiver acima desse piso salarial.
Benefício e facilidades
O Instituto de Previdência Municipal de Rio Preto da Eva terá todos os benefícios agregados, mas com uma diferença fundamental: a de facilitar a vida dos segurados. Quando o prefeito Anderson Sousa idealizou a previdência municipal, foi com o objetivo de facilitar o atendimento aos funcionários concursados e a tramitação de documentos, quando por exemplo, alguém precisar de uma aposentadoria, auxílio doença, salário maternidade.
Nas filas do INSS, mesmo depois de logos dias de espera, as vezes meses, nem sempre os funcionários tem seus pedidos atendidos. “O Instituto de Previdência Municipal de Rio Preto da Eva vem para desmitificar o atendimento aos funcionários”, destacou a Drª. Larissa Farah. Ele deu certo em Manaus (Manausprev), no Governo do Amazonas (Amazonprev) e, em vários outros municípios do Estado. Certamente está dando certo em Rio Preto da Eva (Prevriopreto).

Relacionados

AMAZONAS 1043005938569143240

Corredores do Poder

+ CORREDORES DO PODER

Instagram

WHATSAPP

WHATSAPP
item
Wordpress