Michel Temer acredita que será inocentado pelo STF, diz jornal

O presidente da República Michel Temer acredita que, mesmo que a denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra ele avance na Câmara dos Deputados, será absolvido pelo Supremo Tribunal Federal (STF). A informação é do jornal Folha de S. Paulo.

A declaração de Temer, segundo a publicação, ocorreu na noite de quarta-feira (5), durante reunião com 22 ministros e três secretários executivos de ministério. Aos membros do seu governo, o presidente teria dito que a denúncia não tem provas ou fundamentos técnicos contra ele. Assim, não poderia ter efeitos jurídicos.

Michel Temer teria usado o encontro para pedir que seus ministros conquistem votos entre os deputados da base aliada para barrar a denúncia na Câmara. A reunião teve início por volta das 20h30, com duração aproximada de três horas. De acordo com a assessoria do Palácio do Planalto, a pauta da reunião eram “questões do governo”.

G20

Nesta quinta-feira (6), Michel Temer viaja à Alemanha, onde participará do encontro do G20, que reúne líderes das 20 maiores economias do mundo. O presidente volta do compromisso no sábado (8), desembarcando no Brasil no domingo (9).


Com a ausência de Temer do país, é possível que o presidente do Senado, Eunício Oliveira, assuma a Presidência, já que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, primeiro na lista de sucessão para ocupar o posto, tem viagem marcada para um evento no parlamento argentino nas mesmas datas.

Relacionados

BRASIL 5703335884301446508

Corredores do Poder

+ CORREDORES DO PODER

Instagram

WHATSAPP

WHATSAPP
item
Wordpress