Familiares e amigos protestam contra assassino

Familiares e amigos da estudante Janaine Bueno Soares, 25, morta com golpes de terçado pelo marido, Anderson Silva, no último domingo (18), realizaram uma manifestação pedindo agilidade nas investigações sobre o caso, na noite desta terça-feira (20). A manifestação iniciou às 18h na Rua 15, e seguiu até a Avenida Francisco de Queiroz, no Bairro Monte Sinai, zona norte de Manaus. De acordo com os organizadores da manifestação, cerca de 300 pessoas se reuniram em uma caminhada pacífica.
Emocionada, a dona de casa Sirlene Bueno, 60, mãe de Janaine, reafirmou a informação de que o crime foi motivado por ciúmes que Anderson tinha da vítima. “Ela sempre foi muito querida por todo mundo, não tinha maldade no coração. Ele tirou a vida da minha filha por ciúmes. Desde quando eles se casaram foi desse jeito. Isso não é justo, ele é um verdadeiro covarde”, disse.
O professor Cristhian Medeiros, 29, amigo de Janaine e um dos organizadores do protesto, contou que a manifestação também serve como um alerta a outras mulheres. “Todos estão indignados com a situação que ocorreu neste domingo. Estamos tentando mobilizar outras mulheres que sofrem da mesma coisa que minha amiga sofreu, para que elas denunciem o mais rápido possível e livrem-se de uma relação abusiva”, motivou o professor.

Relacionados

AMAZONAS 3932167025437014090

Corredores do Poder

+ CORREDORES DO PODER

Instagram

WHATSAPP

WHATSAPP
item
Wordpress