Irmã de Aécio Neves é presa em Minas Gerais

Andrea Neves, irmã do senador Aécio Neves (PSDB-MG), teve pedido de prisão preventiva decretado nesta quinta-feira (18). Agentes da Polícia Federal (PF) e do Ministério Público Federal (MPF) prenderam Andrea na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Um chaveiro foi chamado para ajudar no trabalho da polícia no apartamento de Andrea Neves, localizado em Copacabana, no Rio de Janeiro.

Desde o início da manhã, a PF e o MPF realizam uma operação que tem como alvo o senador Aécio Neves (PSDB-MG). Agentes cumprem mandados de busca e apreensão em endereços ligados ao tucano nas cidades de Belo Horizonte, Rio de Janeiro e Brasília.

A operação, ligada à Lava Jato, tem autorização do Supremo Tribunal Federal (STF) e também determina o afastamento de Neves de seu mandato como senador.

A polícia ainda faz buscas na residência e no gabinete do deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) em Curitiba. O STF pediu o afastamento do político do seu mandato.

A operação ainda resultou na prisão do procurador da República Ângelo Goulart Vilela. Ele poderia ter atuado vazando informações sobre a Operação Lava Jato para políticos. Outro alvo da PF é o gabinete do senador Zezé Perrela (PSDB-MG).


O ministro do STF Edson Fachin também expediu mandado de prisão contra o advogado Willer Tomaz, que é ligado ao ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Relacionados

BRASIL 2785167550028854709

Corredores do Poder

+ CORREDORES DO PODER

Instagram

WHATSAPP

WHATSAPP
item
Wordpress