Quatro foram mortos na Raimundo Vidal neste domingo

Quatro pessoas foram mortas durante uma rebelião na Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no centro de Manaus, neste domingo (8), segundo o secretário de Administração Penitenciária do estado, Pedro Florêncio. O governo do Amazonas disse que dois detentos não apareceram na contagem feita após o motim. De acordo com o médico Daniel Sérgio, do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), aproximadamente seis presos tiveram "ferimentos leves" após o motim. Um detento está internado com quadro estável no Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto.
Também neste domingo, três corpos em avançado estado de decomposição foram encontrados no ramal de acesso ao Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), situado na BR-174, em Manaus, na manhã deste domingo (8). O presídio é o mesmo onde ocorreu o massacre de 56 detentos no primeiro dia do ano. A informação foi confirmada pelo Instituto Médico Legal (IML).

Relacionados

AMAZONAS 9184771736479215915

Corredores do Poder

+ CORREDORES DO PODER

Instagram

WHATSAPP

WHATSAPP

Facebook

Publicidade

Publicidade
item
Wordpress