Presidente da Associação de Juízes classifica o sistema penitenciário como 'falido'

O presidente da Associação de Juízes Federais do Brasil (Ajufe), Roberto Veloso, acredita que existe uma grande diferença entre os presídios estaduais e federais no Brasil. Para ele o sistema penitenciário está falido. "O sistema penitenciário brasileiro vive momentos de intensa ineficiência, quando facções criminosas dominam os presídios estaduais".

Veloso destaca que enquanto as penitenciárias estaduais estão em uma situação de "precariedade", os presídios federais, que fazem parte do Sistema Penitenciário Nacional, são consideradas um exemplo de excelência na prestação de serviços. "Nesse contexto, as penitenciárias federais de segurança máxima têm se mostrado uma experiência exitosa, verdadeiras ilhas de excelência em um sistema falido que nem pune e nem recupera". E aponta como exemplo as penitenciárias federais de Catanduvas-PR, Porto Velho-RO, Mossoró-RN e Campo Grande-MS.
Para o juiz uma alternativa viável para sanar essa situação é investir no sistema penitenciário federal, "Esse modelo federal de presídio se apresenta como uma saída para o isolamento dos líderes dessas facções e para punição de crimes graves".

Relacionados

BRASIL 7999119981034679356

Corredores do Poder

+ CORREDORES DO PODER

Instagram

WHATSAPP

WHATSAPP
item
Wordpress