Equipe “Guardião” prende jovem com arma, drogas e dinheiro no bairro Monte das Oliveiras

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe “Guardião” do projeto “Caravana da Cidadania nas Escolas e Comunidades”, idealizado e mantido pelo delegado-geral da instituição, Francisco Sobrinho, prendeu em flagrante, na tarde de quarta-feira, dia 4, por volta das 14h, Guilherme Soares Fernandes, 21, por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e tráfico de drogas na zona Norte da capital.

De acordo com o coordenador operacional do projeto, delegado Henrique Brasil, os policiais civis que compõem a equipe “Guardião” chegaram até o infrator após o recebimento de denúncia anônima, informando que Guilherme estaria comercializando drogas na Rua Louro Tachi, bairro Monte das Oliveiras, zona Norte.

“Montamos campana no local indicado e identificamos o infrator a partir das características informadas. Ao notar a nossa presença Guilherme ainda tentou empreender fuga, mas conseguimos alcançá-lo. Durante revista encontramos em posse do jovem uma arma de fogo artesanal calibre 38, 16 trouxinhas de oxi, nove trouxinhas de maconha, duas garrafas pet contendo substância entorpecente conhecida como “loló” e R$ 200 em espécie”, explicou Henrique Brasil.
Conduzido ao prédio do 26º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Guilherme relatou que a droga pertencia a ele e seria para consumo próprio. O infrator argumentou, ainda, que a arma era usada para resguardar a segurança dele. Conforme o delegado Henrique Brasil, o jovem já tem passagem pela polícia por tráfico de drogas registrado em 2014.

Guilherme foi autuado em flagrante por porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e tráfico de drogas. Ao término dos procedimentos cabíveis na delegacia ele será levado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde irá permanecer à disposição da Justiça.



Assessoria de Imprensa - Polícia Civil

Relacionados

AMAZONAS 140146233141873249

Corredores do Poder

+ CORREDORES DO PODER

Julgamento de josé melo

Relator vota contra cassação de Melo e ministra pede vistas do processo

Julgamento de José Melo na íntegra

Instagram

WHATSAPP

WHATSAPP

Publicidade

Publicidade
item
Wordpress