Gastos do ‘cotão’ somam R$ 4,7 milhões em 10 meses na CMM

Os 41 vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM) mais os suplentes que assumiram vagas de titulares ao longo deste ano gastaram, juntos, em dez meses, R$ 4,7 milhões da Cota para o Exercício da Atividade Parlamentar (Ceap), popularmente conhecida como ‘cotão’. Os valores são referentes aos meses de janeiro a novembro, excetuando-se o mês de setembro que, por conta do período da campanha eleitoral, o ressarcimento da Ceap foi suspenso. As informações foram extraídas do Portal da Transparência do site da Câmara.

Deste total de gastos, R$ 1,5 milhão foram gastos em combustíveis; R$ 1,3 milhão em locação de veículos; e R$ 1,2 milhão em material gráfico. O vereador Ednaílson Rozenha (PSDB) – que não concorreu à reeleição – foi o que mais usou o ‘cotão’ neste período, somando gastos da ordem de 152 mil, sendo a maioria em material gráfico, R$ 65 mil e locação de veículos, R$ 60 mil.
O valor dos gastos da Ceap neste ano (dezembro ainda não foi divulgado) representa 70% do total anual do ‘cotão’, que, até o final de 2016, vai somar R$ 6,8 milhões. Com o reajuste em mais R$ 4 mil ao benefício, aprovado na semana passada em plenário pelos vereadores, a partir da próxima legislatura, o custo da Ceap será de 18 mil mensais, totalizando em 12 meses R$ 8,8 milhões.
Este benefício é previsto em lei e é uma cota única e mensal destinada para potencializar o mandato dos parlamentares, no custeio de seus gastos exclusivamente legislativos, como despesas em telefonia móvel, locomoção, publicidade, serviços postais e gráficos, para citar alguns. O valor costuma ser reajustado, a cada fim de legislatura.
A vereadora reeleita Gloria Carratte (PRP) aparece em segundo lugar no uso do “cotão”, com gastos declarados de R$ 144 mil, a maioria em locação de automóveis, R$ 65 mil, e combustíveis, R$ 37 mil. Joãozinho Miranda (PTN), Ceará do Santa Etelvina (DEM) e Luiz Mitoso (PSD) utilizaram R$ 132 mil, sendo que, desse valor, Joãozinho gastou R$ 48 mil em combustível e R$ 70 mil em divulgação gráfica. Ceará soma em despesas R$ 81 mil em aluguel de veículos e R$ 53 mil em gráficas e, Mitoso, R$ 63 mil em locação e R$ 39 mil em combustível.
Os vereadores Vilma Queiroz (PHS), Dr. Ewerton Wanderley (PPL), Walfran Torres (PTN), Massami Miki (PSL), Arlindo Júnior (Pros) e Isaac Thayah (PSDC) gastaram R$ 131 mil nos dez meses. Deste grupo, Isaac foi quem mais gastou com locação de veículos, R$ 70 mil, Arlindo e Vilma utilizaram R$ 68 mil em combustível. Já Walfran gastou mais em material gráfico, R$ 66 mil.
Prof. Samuel (PHS), Mário Frota (PHS), Reizo Castelo Branco (PTB), Jairo da Vical (Pros), Felipe Souza (PTN) e Álvaro Campelo (PP) gastaram R$ 130 mil, sendo que destes seis vereadores, Campelo gastou mais que todos em locação de veículos, R$ 73 mil. Em gráfica, Samuel gastou R$ 66 mil, o maior valor, e Felipe usou mais em combustível, passando dos R$ 65 mil.
Vereador Francisco da Jornada (PSD) usou R$ 129 mil do cotão, a maioria em aluguel de carros, R$ 49 mil. Elias Emanuel (PSDB), Everaldo Farias (PV), Plínio Valério (PSDB), Alonso Oliveira (PTN) e Prof. Jacqueline (PHS) gastaram, cada um, R$ 127 mil.
Therezinha Ruiz (DEM) e Pastora Luciana (PP), gastaram R$ 126 mil, sendo que Luciana foi a que mais gastou de todos os 41 vereadores com aluguel de carros, R$ 71 mil. Marcel Alexandre (PMDB) utilizou R$ 125 mil, sendo que R$ 66 mil em locação e R$ 53 mil em combustível. Wilker Barreto (PHS) gastou R$ 124 mil, dando R$ 57 mil em artes gráficas e R$ 59 mil em combustível. Amauri Colares (PRB) usou R$ 123 mil da Ceap.
O vereador Junior Ribeiro (PTN) gastou R$ 122 mil, sendo com serviços gráficos R$ 60 mil e combustível R$ 56 mil. Hiram Nicolau (PSD) teve gasto de R$ 119 mil, sendo que R$ 45 mil em artes gráficas e R$ 20 mil em locação. Prof. Bibiano (PT) utilizou R$ 115 mil de cotão, gastando R$ 61 mil em combustível e R$ 33 mil em gráficas.

Relacionados

AMAZONAS 956517465318483411

Corredores do Poder

+ CORREDORES DO PODER

Instagram

WHATSAPP

WHATSAPP

Publicidade

Publicidade
item
Wordpress