Ação conjunta resulta na prisão de homem com 100 quilos de maconha do tipo skunk avaliados em R$ 600 mil

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe do Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), com o apoio de integrantes do Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera) e servidores que atuam na Secretaria-Executiva-Adjunta de Inteligência (Seai) da Secretaria de Segurança Pública do Estado do Amazonas (SSP-AM), deflagrou no início da manhã desta sexta-feira, dia 30, ação policial que resultou na prisão, em flagrante, de Glacinei Caldas de Souza, 49, com 100 quilos de maconha do tipo skunk, avaliados em R$ 600 mil.
O homem foi apresentado na tarde desta sexta-feira, dia 30, às 14h30, durante coletiva de imprensa realizada no prédio da Delegacia Geral, zona Centro-Oeste da cidade. De acordo com a diretora adjunta do Denarc, delegada Tamara Albano, o infrator foi preso por volta das 10h30 de hoje, na casa onde morava, localizada na Rua 17 da Comunidade União da Vitória, bairro Tarumã-Açu, zona Oeste da capital. A delegada destacou que Glacinei estava sendo monitorado pela polícia há cerca de 15 dias.
Ao longo da coletiva de imprensa a autoridade policial explicou que na manhã de hoje, após o recebimento de denúncias anônimas, informando que o homem iria transportar uma quantidade significativa de droga, as equipes deram início às diligências. Albano destacou que os policiais visualizaram quando o infrator chegou na casa onde morava e resolveram fazer a abordagem.
“No momento em que o abordamos Glacinei revelou que a mercadoria ilícita estava na residência dele. Durante revista realizada no imóvel encontramos, em um quarto de criança, 100 tabletes de maconha do tipo skunk, totalizando, 100 quilos da substância ilícita, avaliados em R$ 600 mil”, explicou Tamara Albano.
Durante depoimento, Glacinei argumentou que a droga seria distribuída na capital nesta sexta-feira, dia 30. Em consulta ao Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp) os policiais descobriram que o infrator já tinha passagem pela Polícia Federal por tráfico de drogas.
Glacinei foi autuado em flagrante por tráfico de drogas, crime previsto no Artigo 33 da Lei nº 11.343/06. Ao término dos procedimentos cabíveis, o homem será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM), onde irá permanecer à disposição da Justiça.

Balanço Positivo
 Com a apreensão de hoje, o Denarc encerra o ano de 2016 alcançando o recorde de 2 toneladas de drogas apreendidas ao longo de 12 meses, durante operações realizadas em todo o Estado que contaram com a parceria de outras unidades da instituição, como Grupo Fera e Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), além de outros órgãos que compõem o Sistema de Segurança Pública do Estado, como Seai e Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam).   
         “O ano de 2016 foi bastante positivo para o departamento. Conseguimos superar o número de apreensões realizadas em 2015, que foi de 1,579 tonelada. Todas as informações que o Denarc recebe, seja pelo disque-denúncia do departamento ou pelo número 181 da SSP-AM, são avaliadas e trabalhadas pelas equipes. Temos uma equipe comprometida e vamos continuar nos empenhando para dar uma resposta em combate ao tráfico de drogas no Estado”, finalizou a diretora adjunta do Denarc.  


Relacionados

AMAZONAS 4486716258571901078

Corredores do Poder

+ CORREDORES DO PODER

Julgamento de josé melo

Relator vota contra cassação de Melo e ministra pede vistas do processo

Julgamento de José Melo na íntegra

Instagram

WHATSAPP

WHATSAPP

Publicidade

Publicidade
item
Wordpress